top of page
  • Foto do escritorproje24

Embolização de miomas


A embolização para o tratamento de miomas uterinos é um procedimento na qual um cateter longo é introduzido através de uma artéria da virilha, que chega até o útero.


Para o cateter chegar até o útero, são realizadas algumas manobras com o cateter, guiadas por uma máquina que emite raios-x (fluoroscopia) e contraste iodado.


Quando o cateter estiver bem-posicionado no interior da artéria uterina, são introduzidas substâncias (êmbolos) que entopem a artéria uterina e seus ramos, causando um infarto nos miomas e em algumas porções do miométrio.


É indicado para mulheres com miomas que apresentam sintomas de sangramento aumentado e pacientes que não desejam realizar miomectomia ou histerectomia. Além de mulheres com contraindicações para a realização de cirurgia, por problemas graves de saúde.

Contraindicações

Miomas que podem ser retirados por histeroscopia;

Miomas que determinam sintomas compressivos significativos;

Nódulos suspeitos para sarcoma;

Miomas localizados no colo uterino, pois recebem vascularização diferente da artéria uterina;

Miomas subserosos pediculados, pelo risco de necrose do mioma e desprendimento do nódulo na cavidade abdominal;

Mulheres alérgicas ao contraste iodado.


33 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page