top of page
  • Foto do escritorproje24

Endometriose- a doença da mulher moderna

A endometriose é a presença de endométrio (tecido que reveste internamente o útero) fora da cavidade uterina. Muito frequente, acomete de 10 a 15% das mulheres em idade reprodutiva, e aproximadamente de 35 a 50% das inférteis. Estima-se atualmente que, só no Brasil, 6 a 7 milhões sofram de endometriose.


Doença ginecológica mais investigada nos dias de hoje, recebeu o título de “doença da mulher moderna”, em uma referência ao comportamento feminino atual, caracterizado por mulheres que engravidam com idade avançada, têm menos filhos e estão submetidas a altos níveis de estresse por conta de suas atividades habituais. Essa postura propicia mais tempo de exposição do organismo ao estrógeno (já que menstrua mais vezes) e regressão contínua de suas defesas, por conta do estresse.


Os focos do endométrio são estimulados todo mês, por conta da ação hormonal do estrógeno produzido pelos ovários decorrente do ciclo menstrual normal, inflamando a região afetada e causando dor. Ao passar do tempo, essa dor progride e, na defesa do organismo contra a evolução do incômodo, formam-se algumas cicatrizes (aderências) no local inflamado, estimulando sintomas mais graves, como a dor contínua e a infertilidade.



2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page