top of page
  • Foto do escritorproje24

Endometriose no ovário


A endometriose é uma condição médica na qual o tecido semelhante ao revestimento interno do útero, conhecido como endométrio, cresce em locais fora do útero. Quando essa condição ocorre nos ovários, é chamada de endometriose ovariana. Nesse cenário, o tecido endometrial se implanta e cresce nos ovários, dando origem a lesões ou cistos denominados endometriomas.


Os sintomas associados à endometriose ovariana podem variar em intensidade e abrangem:


Dor pélvica crônica: Um desconforto persistente na região pélvica, que pode se tornar mais intenso durante os períodos menstruais.

Cólicas menstruais intensas: Dores abdominais acentuadas durante o período menstrual, excedendo o desconforto considerado normal.

Dor durante a atividade sexual: Desconforto ou dor durante o ato sexual, também conhecida como dispareunia.

Dificuldade para engravidar: A presença de endometriomas nos ovários pode dificultar a concepção, seja devido à obstrução das trompas de falópio ou a outros impactos nas estruturas reprodutivas.

Em algumas situações, a endometriose ovariana pode levar à formação de aderências, que são faixas de tecido cicatricial. Essas aderências podem influenciar negativamente a função ovariana, afetar a liberação de óvulos e até mesmo bloquear as trompas de falópio, interferindo assim na fertilidade.


Se você suspeita de endometriose ovariana ou foi diagnosticado com essa condição, é de extrema importância procurar a orientação e o acompanhamento de um médico especialista. O diagnóstico preciso e o tratamento adequado podem ajudar a gerenciar os sintomas, melhorar a qualidade de vida e, quando necessário, abordar questões relacionadas à fertilidade. #endometriose

0 visualização0 comentário

Commentaires


bottom of page